Brasil: 7 de Setembro

Independência ou Morte?

Também já fui brasileiro

Eu também já fui brasileiro
moreno como vocês.
Ponteei viola, guiei forde
e aprendi na mesa dos bares
que o nacionalismo é uma virtude.
Mas há uma hora em que os bares se fecham
e todas as virtudes se negam.

(Alguma poesia – 1930)

Feliz dia da Independência do Brasil! Há 187 anos, o Brasil dava o seu primeiro passo para a construção dessa Nação que vemos hoje. E tal como disse o poeta, ainda somos patriotas de jogos da Seleção. Proponho um nacionalismo maior do que esse. Proponho que cantemos o Hino corretamente e pensemos na Pátria em outros dias que não sejam os de jogo do Brasil.

Hoje, quando tive a oportunidade de ver uma parte dos desfiles de 7 de Setembro realizados no Distrito Federal e no Rio de Janeiro, confesso que fiquei um pouco emocionado. Essas coisas me tocam sim,  e não tenho vergonha em dizer que, quando servi ao Exército Brasileiro  sempre ficava deslumbrado no hasteamento da Bandeira.

No entanto, o deslumbre maior vão para os brasileiros. Ainda é hábito deste povo se lembrar de feriado para viajar (melhor ainda quando é na terça ou quinta). Ninguém quer saber ou se importa com o fato de termos nos tornado independente, mesmo que seja baseado em motivos duvidáveis. Ainda temos que ser felizes por termos um país que dá certo aos trancos e barrancos. Deveríamos tirar o feriado para recuperar as energias pra fazer o Brasil dar certo hoje, e não amanhã.

Espero que todos caminhem para um sentimento até maior que o meu e que todos os dias construamos um País cada vez melhor. Ontem, o presidente Lula fez um pronunciamento em rede nacional, referindo-se ao Pré-sal. Segundo suas palavras esta reserva petrolífera nos dará uma nova independência, agora no setor econômico.

Viva o Brasil!!!
Feliz dia da Independência!

Abraços,

Gege e Nando

Anúncios

4 Respostas para “Brasil: 7 de Setembro

  1. Pois é… Qndo eu era pequena tínhamos “Educação Moral e Cívica” no primeiro grau, “OSPB” no segundo e “EPB” na facul… Cantávamos o hino (inteiro) às quartas-feiras e estudávamos os outros hinos nas aulas de música… Hj em dia nem cantar o hino todo sabemos… Triste isso… Ah! O pré sal… Pois é, o impacto ambiental q isso vai trazer…

  2. Gerivaldo Oliveira

    Ana, eu não sei dizer ao certo se o problema está nas Escolas. Até porque muitos Pais de hoje(que foram formados neste padrão) não estão incentivando os filhos a exercitar esse aspecto. E também os Senadores que estão legislando… Talvez tenham tido esta formação na Escola. E em casa?

  3. Acho que alguns pontos podem ajudar a entender nosso nacionalismo “à brasileira”:
    1) Nossa independência caiu no colo, não teve guerra ou enfrentamento, como os vizinhos na AL ou os EUA
    2) Só entramos em guerra como “café-com-leite”, ou seja, nossa participação não tem peso ou muda o rumo das coisas. OK, teve a Guerra do Paraguay, mas esta guerra é motivo de vergonha para quem é esclarecido. Acho que fizemos pior do que os nazistas na 2GM…melhor deixar para lá! (como bom brazuca…)
    3) Nunca fomos invadidos por ninguém (mas agora teremos Rafales e Scorpenes…)
    4) Não temos catástrofes naturais que causem privação séria, nem clima hostil.
    Se temos tudo, porque ainda não conseguimos fazer o Brasil “de amanhã”. O país funciona aos trancos e barrancos, mas funciona para quem?
    Para que segmento da população?
    E sobre o pré-sal, muita festa com pouco resultado: daqui a 20 anos teremos o $$ no bolso, e olhe lá…acho que o mais importante do pré-sal agora é eleger a Dilma.
    Cidadania se ensina a todo momento, e começa nos valores pessoais mais simples. Mas se não for iniciada em casa, não será a escola que vai substituir o exemplo de pais e mães.

  4. É acho que o povo teria um sentimento de patria e independencia e tal se tivessemos tido uma guerra para isso,acho que quando há violencia e mortes isso fica gravado na mente das pessoas, agora se simplesmente é um acordo pacifico, tipo é meio rapido demais não acham?

    Imagine de manha eramos uma colonia e 10 minutos depois Dom Pedro I disse que ja eramos independentes. O que dizer numa situação dessa onde ao redor nada mudou…. hum…. Beleza, eu acho!

    Talves a mistura de povos aqui tambem tenha contribuido, mas isso é um assunto de muita divagação.

    Sobre o Pre-sal 2 coisas interessantes: 1ª que o processo pra extrair os recursos do Pre-sal serão os mais poluentes e gererá uma poluição muitas vezes (mais de 20 acho) maior qu a poluição gerada por todos os outros processos da BR, isso pq o Brasil utiliza uma tecnologia arcaica pra tal; 2ª Paises da Europa e os EUA tem tecnologias modernas para tal mas não iremos utilizar para não pagar royalts a eles.

    Quem liga pro meio ambiente? Nois não né?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s