Regras de bom senso…

bom_sensoFala Adamastor! Faz tanto tempo que passei aqui que nem escrevi sobre a minha viagem a BsAs. Enfim, fica na memória e nos posts do Facebook. Mas vamos voltar ao nosso core bussiness: filosofia de boteco.

Uma coisa vejo cada vez mais ausente em nossa sociedade é o bom senso. Quem tem não compartilha e quem não tem não faz a menor ideia da falta que faz. Estamos vivendo uma era em que pessoas que tem verdadeiramente inglês fluente, pacote Office e bom senso são raridades. Estamos rumando ao caos.

Enquanto a geração Y vai tomando conta do mundo pouco a pouco, vemos que as pessoas estão perdendo o senso do absurdo. Simplesmente, segue poucas regras e pararam de pensar fora da caixa. Sabem usar as maiores ferramentas do mundo, porém somente seguindo a receita de bolo que aprenderam. Nada de inovador. Até a inovação já está sendo confundida com a evolução que deveria haver.

E o que eu vejo, cada vez pior, é que ao invés de educar, no seu sentido amplo de modificação de comportamentos e aquisição de novas habilidades, estamos regrando os comportamentos que desejamos que as pessoas tenham. Estamos amputando o pensamento crítico que leva as pessoas a tomarem decisões e estamos criando pessoas que tem QI de 180 e usam equipamentos eletrônicos com perfeição, porém não sabem como lidar com o “Não” ou com problemas interpessoais.

Esses novos humanos tratam tudo como equações matemáticas e algoritmos: faça isso e obtenha aquilo, fale isso e funcione assim. E essa algoritmização do mundo faz com que as pessoas analisem tudo e descubram qual a fórmula “secreta” do sucesso. Por isso, milhões fazem vídeos muito similares no YouTube e outros milhões fazem blogs com a mesma temática. Porém poucos apresentam mesmo um novo produto para consumo ou uma ideia inovadora.

Estamos criando uma geração de idiotas brilhantes, capazes de usar as ferramentas mais sofisticadas, porém sem qualquer capacidade para discenir o momento certo de usá-las, apenas de seguir os procedimentos. Quando regramos o bom senso, tiramos da pessoa o único momento em que ela pode ser mais do que another brick in the wall.

Adamastor, desce a rodada de chope que há muito tempo não temos aqui no Botequim.

Beijos&Abraços, Nando.

Anúncios

Uma resposta para “Regras de bom senso…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s